quinta-feira, 4 de outubro de 2012

VOU, DRAMATICAMENTE VOU, VIVENDO VOU!

DAVID COSTHA 



VOU,
indo, numa coragem que me vem do ir,
numa alegria que tenho em vir aí onde quero ir e vou. Numa traquéia que me engasga e me prende o fôlego, que me impulso ao saber que vou, que me arremessa, que me leva,
que me deixa lá onde quero ir, e vou.
Vou porque preciso ir, tenho que ir e vou,
como jamais alguém iria, nem por mim nem em meu lugar, apenas vou e indo deixo, para tráz, 
a tibieza, a vergonha, a covardia
sem nem mesmo saber como se faz, mas vou!
Vou quebrando, quebrado, alquebrado, aprendendo mas vou, 
porque vivo estou! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário